Nós por Nós Mesmos: Ativistas das Periferias Falam sobre suas Ações

Em tempos de pandemia, as novas tecnologias digitais estão sendo usadas intensamente por coletivos de comunicação e por outras organizações das periferias, para apresentar demandas, divulgar opiniões, trocar ideias. É possível acessar as várias entrevistas, lives e podcasts que vêm sendo feitos pelos próprios ativistas. Vejam, por exemplo:

Entrevista com Preto Zezé, Presidente Nacional da Central Única das Favelas.

Vídeos que falam sobre a experiência de Paraisópolis (SP), aqui e aqui.

Podcast “Quarentena“, da Agência Mural de Jornalismo das Periferias e Podcast Lugar de Quarentena, do coletivo de comunicação ARQUEPerifa.

Roda de Conversa da Rádio Ação Paramita, “Favela, Autoorganização e Covid-19“.

Thiago Vinícius, da Agência Popular Solano Trindade, coletivo localizado na periferia do Campo Limpo (Zona Sul de SP), Roberta Rodrigues (Vidigal, Rio de Janeiro), Max Maciel (Projeto Ruas, Ceilândia, DF), Neila Gomes (Movimento pela Moradia, Belém), entre outros, são entrevistados sobre sua atuação contra a pandemia.

Amazônia
Telas em Movimento

O projeto Telas em Movimento nasceu com o objetivo de democratizar o acesso ao cinema, principalmente nas periferias da Amazônia.

Leia mais »